Baixe nosso app

NOVIDADES

III Webinar GRAACC

Dando sequência à programação de webinars científicos promovidos pelo Hospital do GRAACC, o assunto em pauta agora é o câncer infantil, mais precisamente as leucemias. No dia 28 de outubro, a partir das 19h a Dra. Ana Virgínia Lopes de Sousa, oncologista pediátrica especialista em leucemias do Hospital do GRAACC, hospital referência em crianças com câncer, apresentará um cenário da doença abordando os principais sinais e sintomas, métodos diagnósticos e propostas de tratamento com o tema “Leucemias agudas na infância: como identificar e o que fazer?”.

“O diagnóstico precoce das leucemias agudas na infância aliado ao reconhecimento genético dos subtipos da doença e à velocidade de resposta ao tratamento garantem uma proposta de tratamento individualizado. Dessa forma, temos a definição mais precisa do melhor esquema terapêutico, baseado nos riscos de recaída, promovendo maiores chances de cura com qualidade de vida”, comenta a Dra. Ana Virgínia. Para participar deste webinar, basta fazer a inscrição do link: http://bit.ly/webinarleucemias

As leucemias

As leucemias agudas representam o tipo mais comum de câncer em pediatria e são responsáveis por 25% de todos os casos de câncer infantil, divididas em dois grandes subgrupos: Leucemias Linfoides Aguda, mais comuns na infância, e as Leucemias Mieloides Agudas. O domínio mais amplo dos subtipos biológicos das leucemias agudas, dos padrões individuais de resposta, a intensidade do tratamento baseada no risco de recidiva e aprimoramento dos cuidados de suporte infeccioso e hemoterápico permitiram, ao longo dos anos, maiores chances de cura.

Os principais sintomas que podem indicar leucemia são dores nos ossos e/ou nas articulações, palidez, fadiga, hematomas pelo corpo, sangramento de mucosas, febre e infecções recorrentes. As leucemias agudas podem acometer outros órgãos, além da medula óssea, como testículos, fígado, baço, pele, gânglios e até o sistema nervoso central.

Webinar científico – Leucemias agudas na infância: como identificar e o que fazer?

Data: 28 de outubro (quarta-feira).

Horário: a partir das 19h. Inscrições: http://bit.ly/webinarleucemias